segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Unfinished Swan [PS3]


Lembram-se do Unfinished Swan para a Sony PS3, e que nos apresentava um jogo com um conceito bastante original, passado num mundo 3D completamente branco e onde se tem que dar uso a borrões de tinta para conseguirmos perceber o que nos rodeia?

Pois bem... já o pude experimentar, e tal como o Journey... este é um daqueles jogos que melhor será descrito como uma "experiência" diferente, que acompanhará todos os que o jogarem para o resto das suas vidas.

É que tal como em tempos ficamos marcados por jogos como o Wolfenstein 3D e o Doom; este Unfinished Swan apresenta-nos uma jogo diferente de tudo o que vimos antes, e que usa um conceito bastante simples - o de um mundo (quase) inteiramente sem cor - para nos colocar perante situações que continuamente nos "maravilham". E afinal... que mais se pretende de um jogo senão essa sensação que nos consegue surpreende?

Inicialmente começamos com um mundo inteiramente a branco, que serve de "introdução" à mecânica de jogo, e onde o balanço entre o branco e os borrões pretos que disparamos terão que ser moderados (sob pena de ficarmos num mundo completamente "preto" e igualmente sem referências).

Mas, mais para diante... quando se começa a estar prestes a ficar farto do mundo "branco", o jogo trata de nós, e apresenta-nos níveis que passam a conter sombras, e que assim facilitam (em parte) a progressão sem  obrigar ao mapeamento básico de todo e cada recanto.

E nível após nível, lá vamos acompanhado a história de um pequeno rapaz que nos é contada como se fosse uma história infantil...

Unfinished Swan é um jogo obrigatório para todas as PS3, e poderão descarregá-lo em breve via PSN.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails