sábado, 1 de julho de 2017

A evolução dos jogos de telemóvel nos últimos 20 anos


Os telemóveis chegaram ao mercado em 1973 e desde então estes equipamentos sofreram grandes alterações, não só em termos de design como também nas funcionalidades disponíveis, tornando-se eventualmente os smartphones que conhecemos hoje. Os telemóveis de hoje são populares não só pelas suas capacidades de comunicação mas também pela possibilidade de se tornarem num equipamento para jogos.

A Nokia foi das primeiras empresas de telemóveis a disponibilizar jogos para telemóvel, no final dos anos 90. Todos se lembram do famoso jogo Snake, que rapidamente ficou disponível em todos os telemóveis comercializados pela Nokia, o que viria a aumentar ainda mais a popularidade do jogo e da marca de telemóveis. Com uma enorme quota de mercado, a Nokia tentou até desenvolver a sua própria plataforma de jogos e um telemóvel concebido especificamente para isso: o N-gage. No entanto a aposta acabou por não resultar, nem causar mossa ao Nintendo Game Boy Advance que tinha acabado de ser lançado. A ideia da Nokia teria certamente potencial, mas a tecnologia ainda não estava preparada para colocar esta ideia num equipamento funcional.

Os smartphones da actualidade utilizam uma tecnologia de última geração e revolucionaram a indústria dos telemóveis com a introdução de diversas novas funcionalidades. Alguns até consideram que os smartphones acabam por ser uma espécie de computador de bolso. Com uma melhoria das especificações dos smartphones de hoje, a indústria de videojogos entrou na corrida. Como por exemplo, a introdução do touchscreen permitiu o desenvolvimento de jogos e aplicativos mais interactivos para o utilizador, tais como Angry Birds ou Candy Crush.


Mas não foi só este tipo de jogos mais familiares que apareceu, pois as especificações permitiram ainda jogos com gráficos em HD. A internet foi algo que também se desenvolveu drasticamente nos últimos 20 anos, e tal permitiu o aparecimento de jogos online para smartphone como MMO, jogos de estratégia em tempo real, e até first person shooters. Diversas foram as empresas que viram potencial na indústria dos telemóveis para criarem as suas versões de jogo para smartphone, tal como os casinos, que entraram no grande mercado de aplicativos com os mais diversos jogos, muitos dos quais pode até jogar gratuitamente, como é o caso da roleta online.

Para acompanhar a indústria de videojogos para consolas, empresas que desenvolvem smartphones também desenharam acessórios para melhorar a experiência gaming do utilizador. Actualmente vão-se popularizando comandos, colunas exteriores, e até óculos que permitem transformar o smartphone numa máquina de jogos VR. Dada a evolução dos telemóveis em termos de jogos ao longo dos anos, é de esperar que o futuro guarde muitos mais avanços nas aplicações de gaming para smartphones.


[texto escrito por: Mário Mota]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails